Quinta-feira, 25 de Janeiro de 2007

O Carro de Maria João !!!

O CD tocava Enya baixinho, Tu pousavas embalada pela mística distante, quase a perder-Te profundamente, quando se ouviram as palavras mágicas...

 

 

O conforto do assento do automóvel deu lugar a nada mais que a Mim, sentado ao volante, Contigo sentada em cima de Mim !!! Os nossos contornos descobriam-se de uma só vez, por entre as roupas, quase por completo...

 

Até as Tuas pernas acompanhavam as Minhas, enquanto a Tua nuca se encostava ao Meu ombro, oferecendo-Me o jardim de todos os Teus aromas não secretos, de uma só vez !!!

 

 

Não Te fiz despertar completamente, apenas Te trouxe para um estado semi-consciente e transformei a cor dos vidros em negro, tornando-os completamente opacos e acendendo a luz interior, porque queria ver-Te muito bem...

 

 

O gesto de Te acomodares mais no Meu colo, porque a magia Te tirara qualquer pudor, foi uma cena banal para Ti, mas não para Mim, que ganhei uma tesão tão intensa que parecia querer rebentar-Me com a roupa !!!

 

 

Por onde iria começar ??? Por onde iria começar-Te, Maria João !!!

 

 

Pois serás Tu, e mais ninguém, Quem irá contar o que aconteceu e como foste Minha em plena Baixa de Lisboa, envolvida pelo Vampiro Sexual e liberta de preconceito, entre o Mundo dos Sonhos e os Meus desejos de Ti !!!

 

---------------------------------------------------------------

Continuação - Escrito por: Maria João

V   V  V

 

Semi-consciente entrego-me e… liberto-me… 

 

 

Acomodo-me no teu colo, não, não é assim tão banal, faço-lo numa atitude atrevida e provocante a deixar-te sem fôlego… numa tesão imensa…

 

 

Morde-me o pescoço… aperta-mo…  faz-me entender que o domínio do momento pertence-te… queres que o perceba muito bem… 

 

 

Sobe-me a saia… e acomodo-me ainda  melhor ao teu colo, as minhas pernas ficaram então bem abertas… não me deixas mais fechá-las.

 

 

Descobriste as meias de liga… pretas… sensuais…a tirar-te do sério, é isto que quero… já que invades o meu sono… então revela-te…

 

 

Rapidamente os teus dedos entraram pelos elásticos da minhas cuequinhas e invadiram-me buscando os meus mais íntimos desejos… Dedos esses que depois saboreaste… descobrindo o meu sabor.

 

 

Dei por mim num prazer infinito, inconsciente mas divinamente gostoso. Libertei-me e entreguei-me a esse desejo vampírico.

 

 

Virei-me para ti, queria ver-te os contornos do rosto e perder-me na tua boca …

 

 

Derreto-me ao teu toque, ardo, tremo de desejo... o teu rosto expressa a tua tesão a tua respiração é cada vez mais acelerada,  a tua sua voz  diz-me as palavras certas para abrirem todas as minhas comportas, as tuas mãos apressadas despem-me, a tua boca procura-me.

 

 

As minhas mãos… ansiosas… percorrem-te…. medem-te cada milímetro… não foi preciso muito para ficares em estado crítico… estávamos loucos de desejo.

 

 

Os meus movimentos ondulantes, estimulavam o imaginário…

 

 

Atrevi-me… e sussurei no teu ouvido… Enfia-mo!

 

 

Afastaste as minhas cuequinhas, e meteste-mo, quente, fundo, a preencher-me, a viveres dentro de mim...

 

 

A invasão do meu corpo demonstrava tanta urgência como a que eu sentia em ter-te dentro de mim e tu avançavas, imponente, duro, alcançando a profundidade das minhas entranhas, deslizando no meu sexo que escorria desejos. Senti uma leve dor com a investida impetuosa, misturada com o prazer que me fazias sentir, originada talvez por essa força avassaladora de que és possuidor, pelo contacto com o corpo que me era desconhecido.

 

 

Um clima sensual envolvia-nos. Os nossos corpos suavam levemente pelo movimento e pela proximidade do calor do outro. A textura da pele sentida através do toque das mãos, dos rostos colados. O teu cheiro fazia-me quase esquecer onde estava. 

 

 

A tua respiração ofegante confundia-se com a música no meu ouvido, mudando o meu ritmo e fazendo o teu mudar também.  As minhas unhas cravam nas tuas costas a intensidade do meu desejo, sou fêmea no cio!

 

 

A dança dos corpos move-nos como se fôssemos um só, sentimo-nos dentro um do outro.

 

 

Estavas totalmente em mim… saboreavas-me com gosto.

Gemia baixinho… Apertaste-me nos teus braços e os meus movimentos levaram-nos ao rubro.

 

 

Sou fogo, loucura e desejo, nem sei mais se estou na terra ou no espaço, sinto apenas o teu calor, o teu corpo quente, ardendo tanto quanto o meu...

Sou uma boneca viva nas tuas mãos, que me direccionam, me guiam...

O teu pénis duro, guiado pela tua mão, procura-me, brinca entre meus orifícios sedentos, pulsantes, se esfregando, fazendo-me humedecer ainda mais, deixas-me  alucinada, quase explodindo num orgasmo apressado penetras-me com calma, aos poucos, cada centímetro deslizando com prazer, num vai-e-vem constante.

 

 

Num gemido profundo, flutuo-o num espaço sem fronteiras, perco totalmente a noção de mundo, de tudo…

 

 

A dança atinge um auge como um orgasmo e eu nem sei mais se consigo ouvir uma música no fundo, mas irracional sento-me ao teu lado, sorrindo, corada, feliz!

 

M. J.


Encantado por... Lisboa Dom às 15:24
link do post | Confessa-Te !!! | Ver Confissões !!! (3) | favorito

. Perfil do Vampiro Sexual

.

. 1 seguidor

.pesquisar

 

.Janeiro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
15
16
17
18
19

20
21
22
24
25
26

27
28
29
30
31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.Últimas Noites !!!

. Londres - NOVO BLOG

. LONDRES EM ABRIL

. bondagemaster@hotmail.co....

. OFERTA DE INAUGURAÇÃO - N...

. Inauguração a 20 de Julho...

. Bondage Lisboa - Fetiches

. Imagens e Vídeos no Bonda...

. Actualização do Bondage L...

. Regista-te no www.bondage...

. www.bondagelisboa.com

.Outras Noites !!!

. Janeiro 2008

. Outubro 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Maio 2006

.tags

. todas as tags

.

SAPO Blogs

.subscrever feeds