Sexta-feira, 16 de Fevereiro de 2007

Juntos na Zara !!!

Contemplava, no Meu abrigo, ao longe, os reflexos de prata com que a Lua cheia brindava o Tejo, quando a primeira vela do círculo de vigia se acendeu pelas 22:30h, activada pela respectiva cruzinha que Te acompanhava...

 

 

Foste Tu Mariana, Quem primeiro adormeceu... Num dia da semana com fracas possibilidades de noitadas, confiava em, uma a uma, Vos acabásseis por encontrar todas a dormir num mesmo momento, mais tarde ou mais cedo !!!

 

 

Mas era sempre um jogo incerto, porque uma de Vós poderia acordar definitivamente antes que Todas as demais adormecessem, o que tornava tudo ainda mais excitante para Mim...

 

 

Bebia já um vinho aveludado e ouvia “Dead Can Dance”, estimulado pela espera incerta, quando a segunda vela se acendeu, eram 23:10, mas não demorou muito até à terceira...

 

 

Lindas Meninas, tudo parra a caminha... sò que desta vez o intervalo até ter mais uma Alma no Meu círculo foi eternamente demorado... Ia na segunda garrafa quando finalmente, às 3h da madrugada, ficou apenas uma vela por acender...

 

 

Eras Tu Cristina E Eu sabia que se corresse o risco de Te Vir a ter, poderia perder alguma das Outras, porque Quem não se deitou às 3h, muito provavelmente não se deitaria antes das 5h ou mais...

 

 

Estava na hora, ficavas de for a Cristina, mas Todas as demais, já no Meu Mundo e à

Minha mercê, teriam de comparecer na Zara da Rua Augusta !!! Apaguei as velas, proferi as palavras mágicas e lancei-Me no vazio, para ir à a Baixa, onde vocês já Me esperavam...

 

 

Que mais poderia Eu pedir ???

 

 

Seis Mulheres, cada uma no seu posto de trabalho diário, calmamente desorientadas, numa Zara da Rua Augusta fechada e vazia, toda a meia-luz, para Nos podermos explorar todos muito bem mas com algum mistério... Era tão excitante ver como apesar de Todas usarem a mesma vestimenta, uma farda do mês da Zara, a mesma vos assentava de forma tão diferente !!!

 

 

Na verdade, fruto das Minhas perguntas e escolhas durante o dia, para as quais foram Todas tão prestáveis, criei Eu a farda do mês, nos tamanhos perfeitos para cada uma, pelo menos será a farda desta Nossa noite: saia de sarja preta e justa nas ancas mas nâo nas pernas, até logo acima dos joelhos; sandálias abertas de salto alto-médio, pretas, finas e elegantes; blusa preta e muito fina de algodão, curtíssima e muito justa; camisa branco-pérola de seda, caída por for a das calças; blazer preto de corte cintado, curto e justo...

 

Mas o que mais apreciava era o que Vos tinha reservado como peças para usarem por baixo das roupas !!! Uma lingerie rosa-púrpura, lisa, de corte curto, estreito e elegante... Pequenos tesouros que escolhi para se ajustarem maravilhosamente aos Vossos secretos tesouros femininos !!!

 

 

E começou a loucura, por entre prateleiras, mostradores, balcões e vestiários, soava alta e omnipresente "Dead can Dance", havia suaves e constantes brisas misteriosas, que abanavam as roupas expostas por todos os recantos e seis Mulheres perdidas a vaguear casualmente neste enorme espaço com vários pisos e mil recantos, desprovidas de qualquer  preconceito moral, apenas entregues à ónica força que Lhes era permitida experienciar, a libido sem rédeas !!!

 

 

Eu, todo vestido de preto, com uma Camisa de seda bordeaux-escura, completamente desabotoada, comecei a excitante caçada e em vez de querer saber onde estavam Vocês, preferi a emoção da surpresa, que podia surgir ao virar de cada recanto...

 

 

Quis que Me vissem, sem que Me pudessem tocar, para sentirem constantemente a Minha presença, mas depois não saberem exactamente de onde viria e como Vos possuiria !!!

 

 

Decidi que o ideal, para este efeito duplo, seria usar o elevador de vidro, só para subir e começar a surpreender-Vos de cima para baixo e depois, voltar a usa-lo só para cima e passar a noite toda nisto, em ritmos diferentes, para que não Vos habitueis aos timmings, mas cada vez que Me vejais no elevador saibais que voltareis a ser presas em breve... Esta noite daria para Vos Foder a todas e mais do que uma vez a cada uma, seria uma autêntica Festa do Prazer, uma Orgia de Caça Sexual...

 

 

E cheguei ao ultimo piso do elevador, subindo o resto a pé, para o de roupa de Homem...

 

 

Nenhuma de Vós lá estava, pois tinham aparecido nos Vossos postos e estes eram todos nas secções femininas, onde Vos tinha abordado inicialmente... Mas logo ouvi passos e escondi-Me numa coluna... Era a Mariana...

 

 

Corri para Ela, apanhei-a por trás e, sem lhe dar tempo para reagi, encostei-a a uma coluna, arrepanhei-Lhe a saia justa para cima e sem qualquer cerimónia, meti-Lhe a palma da mão por dentro das cuequinhas, sempre colada á curva das nádegas, até Lhe espetar energicamente um dedo pelo Sexo adentro...

 

 

Espremida de frente na coluna, sem Me Conseguir ver, foi avidamente masturbada, sem tempo para provocações, repetida e profundamente penetrada, até Lhe começar a sentir os fluidos da luxúria a impregnarem-se no algodão arrepanhadamente e invadido !!!

 

 

Mas largue-a subitamente, deixando-a toda afogueada, sem progredir na loucura, mal podendo segurar as pernas nervosas e as quentes virilhas encharcadas....

 

 

Escondido num recanto, saboreei sem vergonha o Meu dedo, apoderando-Me intimamente do mais íntimo sabor de uma das Minhas convidadas!!!

 

 

Descobri um enorme e depravado prazer naquele acto em concreto e quis de repente, como preliminar da grande caçada que se Me oferecia, começar por fazer exactamente o mesmo a Todas Vós, primeiro para Vos saborear intensamente as diferenças e depois para Vos deixar excitadas, naquele ponto, quentes e desamparadas, tensas de vontade, à espera de muito mais !!!

 

 

O Sangue do Vampiro Sexual é a Seiva íntima corporal !!!

 

Desci as escadas lentamente, sempre no jogo de Ver antes de ser Visto !!! 

 

Não estava ninguém, por isso decidi esperar, escondido num vestiário, uma vez que, entregues apenas ao Desejo, não iríeis ficar muito tempo paradas...

 

 

Vi a Minha anterior vítima passar em frente e depois descer, completamente perdida, mas agora ia ter um pouco de descanso...

 

 

Comecei a ficar num estado de pura e extravasante excitação, pelo que abri a Minha justa braguilha e comecei lenta e tensamente a masturbar-Me, como que em profunda câmara lenta...

 

 

E na estreita fenda de visão que as portas do vestiário Me davam, andava uma Delas, calmamente a olhar perplexa em redor!!!

 

 

Abri as portas e saí decidido, mas logo deparei com uma segunda presa, que tinha subido também!!! Humm, duas ao mesmo tempo ??? Nesta fase não Me interessava, porque Vos queria provocar, indecente e desapiedadamente...

 

 

Corri para a primeira, virei-a para Mim, espetei-Lhe um linguado descarado na boca sedosa e baixei-a até se ajoelhar, depois olhei para a segunda e, num acto discreto de magia, 4 lenços de seda voaram até Ela, vindos de uma distante prateleira, para imediatamente se atarem a cada pulso e tornozelo e a conduzirem, como que possuídos, até a um balcão de pagamento que estaca mesmo ali.

 

 

Enquanto segurava o pescoço da primeira, que sempre ajoelhada, foi conduzida lentamente até ao pé do balcão para a frente da segunda, essa por sua fez era aprisionada e exposta firmemente para o Meu livre Prazer... Os lenços dos tornozelos enfiaram as pontas soltas por baixo do balcão e os dos pulsos por cima, encontrando-se a meio e atando-se lá por trás, expondo-Me todo o seu corpo indefeso !!!

 

--------------------

A atada seria agora a privilegiada espectadora do que iria fazer, mesmo à sua frente, à que trazia pelo pescoço... E sem stress, abandonara-se ao Seu destino cativo, observando com interesse e espanto tudo o que Eu fazia à colega !!!

 

 

Sem Lhe largar as veias quentes do pescoço, ambos de pé e Comigo por trás Dela, subi-lhe a  saias e desta vez, só com uma mão e muita destreza, apanhei-Lhe as cuequinhas, mesmo onde a seda se apertava no Sexo, agarrando-as bem seguras, com e fazendo-as descer para baixo, o que a obrigou a ajeitar-se constantemente, para que os elásticos das ancas Conseguissem acompanhar o deslizar do centro, até ficarem enroladas pela altura dos joelhos !!!

 

 

Senti-Lhe as nádegas a apertarem-se-Lhe irreversivelmente, à medida que se Lhe enterava o Meu dedo teso, a queimar-Lhe o Sexo, que logo começou a jorrar fios interiores de seiva, cujo aroma Me chegou subitamente aos sentidos, mas seguiu-se um frenesi tão acelerado e furtivo, em que repetidamente a penetrava com o dedo em gancho, que a Nossa espectadora se contorcia deleitada, sem pider mover os membros, mas abrindo os lábios sumarentos e relambendo-se sem pudor!!!

 

 

Quando larguei a primeira, Ela quis agarrar-se a Mim, porque começava a encaminhar-se para aquele ponto em que sabia que estava o dedo certo a trilhar-Lhe o caminho certo para a efervescência, mas insisti em afasta-la !!!

 

 

Virei-Me para a segunda mas a primeira não Nos deixou a Sós, ficando a ver-Nos com a luxúria estampada no rosto, mas agora éramos Nós, Contigo oferecidamente vestida, mas indefesamente exposta para que Eu Te usasse como bem Me apetecesse... Contigo seria pela frente, mas agora apetecia-Me lamber e relamber o dedo da seiva anterior e fi-lo sem cerimónias, ostensivamente à Tua frente... Era mais salgada que a que apanhara lá em cima, muito mais salgada !!!

 

Meti-Te precisamente o mesmo dedo na boca, fazendo-o apertadamente sair e entrar-Te nos lábios, para que Lhe tirasses todo e qualquer sabor anterior, afinal era o só o Teu sabor que Eu queria sorver até à ultima gota...

 

 

Atada como estavas, inclinada para trás e aberta, só a visão dos Teus joelhos estendidos for a da saia e os seios empinados debaixo da seda, levaram-Me a querer-Te toda já ali, mas contive-Me e comecei a fazer-Te o mesmo que viras fazer à Outra, só que mais devagar e bem pela frente!!!

 

 

A mão quente a subir-Te, por dentro das saias, rente às pernas, depois a apertar-Se mais entre o interior das Tuas Coxas, os dedos a descobrirem-Te a lomba justa da cuequinhas no Teu sexo, dois deles a enfiarem-se de cada lado, pelos elásticos, até se encontrarem para Tas poder puxar para fora, com os nós dos dedos a tocarem-Te o Sexo, já a regar-se com o Teu Prazer...

 

 

Sorrias de impaciência, mas Eu comecei a puxar-tas muito devagar, a deixa-las deslizar-Te pelas coxas quentes, até finalmente as sentir presas um pouco acima do joelho, uma vez que os lenços dos tornozelos Te esticavam uma perna para cada lado...

 

 

Adivinhavas o que vinha a seguir, mas o que não calculaste foi a forma como Eu Te iria penetrar!!! Dois dedos, quentes e muito juntos, acertaram com a fenda apertada e molhada que se escondia atrás dos Teus aromáticos lábios vaginais, mas entraram virados para cima, em gancho, encontrando habilmente, dentro do Teu Sexo molhado, as leves rugosidades superiores que guardavam o Teu Ponto G...

 

 

E fui lento demais, podendo aspirar o pêssego fresco a que cheirava cada milímetro da Tua fluida essência... Lento demais para que os Teus sentidos, alerta de tensos, resistissem aos subtis e intrincados mecanismos que sabem como Te inundar de calor trémulo e impiedosamente vibrante !!!

 

 

E saí dali, tâo depressa como chegara, mas deixando-Te prisioneira dos lenços,, para mais tarde voltar a dispor de Ti !!!

---------------------------------------------------------------------------PREPARA-TE PORQUE ESTA AVENTURA SEXUAL VAI SER LONGA E CHEIA DE SURPRESAS, AFINAL NÂO É TODAS AS NOITES QUE O VAMPIRO SEXUAL ENCANTA E POSSUI AO MESMO TEMPO,  MEIA DÚZIA DE ALMAS DE MULHER !!!---------------------------------------------------------------------------

A CONTINUAR !!!

 


Encantado por... Lisboa Dom às 17:25
link do post | Confessa-Te !!! | favorito
|

. Perfil do Vampiro Sexual

.

. 1 seguidor

.pesquisar

 

.Janeiro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
15
16
17
18
19

20
21
22
24
25
26

27
28
29
30
31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.Últimas Noites !!!

. Londres - NOVO BLOG

. LONDRES EM ABRIL

. bondagemaster@hotmail.co....

. OFERTA DE INAUGURAÇÃO - N...

. Inauguração a 20 de Julho...

. Bondage Lisboa - Fetiches

. Imagens e Vídeos no Bonda...

. Actualização do Bondage L...

. Regista-te no www.bondage...

. www.bondagelisboa.com

.Outras Noites !!!

. Janeiro 2008

. Outubro 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Maio 2006

.tags

. todas as tags

.

.Almas Encantadas !!!

blackjack
blackjack
SAPO Blogs

.subscrever feeds